RELEASE

     Em sua última turnê europeia, apresentou-se em Portugal, República Tcheca, Holanda, Suíça, Itália, Alemanha, Bélgica, e Inglaterra e fez uma rápida passagem pelo continente africano, em Marrocos.

 

     Com seu último trabalho na música, Murilo Ramos e uma de suas bandas entraram para a história da música no país. Nunca houve no Brasil a gravação de um DVD que unisse uma banda de rock / metal e orquestra sinfônica. Murilo teve a honra e felicidade de fazer parte desse grande feito como baixista da banda Heaven’s Guardian, gravando com a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás um DVD que antes de ser lançado já repercutia em vários países e atualmente conta com inúmeros convites de diferentes países para a realização do mesmo formato de show com as respectivas orquestras desses países.

     Este show contou com a participação especial de grandes nomes como Ricardo Confessori (Shaman, Massacration, Angra, Korzus, etc.), Marcello Pompeu (Korzus), Alírio Netto (khallice, Age of Artemis) e Eduardo Ardanuy (Dr. Sin, Tritone, Tork, etc.).

     Em 2020, no dia 7 de março, Murilo fez parte de outro evento histórico, também com a banda Heaven’s Guardian. Desta vez, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, a banda se juntou novamente à Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás e trouxe três surpresas; o Coro Sinfônico Jovem de Goiás, o guitarrista Marcelo Barbosa (da banda Angra) e a vocalista Mary Z., dos Estados Unidos.

     Após saber do sold out, Murilo apenas contemplou o teatro com todas as cadeiras ocupadas, pessoas em pé, no chão, em todos os cantos, cantando e se emocionando com todos os músicos.

      Com uma carreira longa e consolidada,  atualmente Murilo Ramos encontra-se estabelecido no mercado. Trabalhou como intérprete desde os 14 anos de idade e teve seu mais marcante trabalho sendo intérprete para a mundialmente conhecida e respeitada banda Black Label Society.

 

     Nasceu em uma família de músicos e aos 12 anos de idade começou sua carreira musical. Inicialmente, com o violão, fazia apresentações com seus familiares – também músicos profissionais – e posteriormente assumiu os outros instrumentos que ainda toca – contrabaixo, bateria e guitarra.

 

     Após anos de turnês nacionais, Murilo Ramos fez sua primeira apresentação fora do Brasil em 2013, na Inglaterra, sendo convidado especial em um tributo feito à banda Sepultura, em Brighton.

 

    Além das suas bandas autorais e bandas cover / tributo, Murilo também fez parte de inúmeros outros eventos, festivais, workshops e entrevistas. Dentre os workshops para os quais foi convidado, destacam-se aqueles nos quais tocou com Timo Tolkki (Stratovarius, Revolution Renaissance, Symfonia), Edu Falaschi (Angra, Mitrium, Venus, Symbols e Almah) e com a banda Hangar.

     Murilo foi entrevistado inúmeras vezes, muitas delas com músicos que influenciaram bastante sua carreira musical.

     As entrevistas mais marcantes foram ao lado do Baterista Aquiles Priester (Hangar, Paul Di'Anno, Angra, Almah, Tony MacAlpine, Vinnie Moore, Primal Fear, W.A.S.P e outras), do baixista Nando Mello (Hangar) e do guitarrista Andreas Kisser (Sepultura, De La Tierra, Kisser Clan e Hall!).

Follow me:

  • Murilo Ramos
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

copyright © 2020 by Jessica Marzinotto